Como conseguir experiência profissional antes do primeiro emprego?

Como conseguir experiência profissional antes do primeiro emprego?

6 minutos para ler

Todo jovem, quando entra na universidade, chega cheio de sonhos e planos de carreira. Essa motivação é fundamental para construir uma jornada proveitosa durante os anos de faculdade, inclusive para descobrir como conseguir experiência profissional antes mesmo de garantir um contrato de trabalho.

Você já deve saber que o sucesso profissional começa com a formação acadêmica, certo? Mas há também outros pontos que pesam muito, principalmente a experiência. Pensando nisso, preparamos ótimas dicas para dar um empurrãozinho no início do seu desenvolvimento de carreira. Vamos lá?

Qual é a importância da experiência profissional no currículo?

As duas coisas que mais chamam a atenção do recrutador, quando ele faz a triagem de currículos, são nível de formação acadêmica e experiência profissional. O fato de selecionar os candidatos mais experientes aumenta as chances de fazer uma boa contratação do ponto de vista do mercado. Além disso, os empregadores não terão tanto tempo gasto com treinamento de pessoal.

Mas você já deve ter se questionado o seguinte: “Se não me derem a primeira oportunidade, como vou ganhar experiência”? A boa notícia é que existem outras formas de adquirir conhecimento prático em sua área de formação sem ser por meio de um contrato de trabalho.

A própria faculdade abre várias portas para que o estudante tenha contato com as práticas da profissão ainda antes de encontrar o primeiro emprego. Por isso, durante sua jornada universitária, aproveite todos os recursos que a instituição oferece e participe de quantas atividades complementares você puder.

Você verá que o aprendizado extracurricular é tão valorizado pelo mercado quanto a experiência profissional obtida em empregos com registro. Aliás, a participação em diferentes projetos ainda comprova o dinamismo do estudante e sua disposição para aprender coisas novas.

Afinal, como conseguir experiência profissional durante a faculdade?

Enquanto você aguarda uma oportunidade para o seu tão esperado primeiro emprego, aproveite que tem uma rotina mais tranquila e que não precisa conciliar trabalho e estudos. Preencha seu tempo livre com atividades que vão ampliar seu conhecimento e garantir experiência profissional. Veja as possibilidades que trouxemos!

Busque oportunidades de estágio

Desde o início da jornada universitária, os jovens esperam ansiosos por uma chance no mercado de trabalho — seja uma vaga de contrato efetivo, seja uma oportunidade de estágio remunerado. Afinal, quem não precisa de uma fonte de renda para pagar a faculdade e ajudar nos outros custos mensais, não é mesmo?

Mas você também pode tirar bom proveito de estágios não remunerados, tanto os que já estão previstos na grade curricular do curso, quanto o espaço que empresas parceiras disponibilizam para aprendizado profissional.

Então, informe-se sobre essas opções. Normalmente, as próprias universidades trabalham com núcleos de empregabilidade estudantil e mantêm contato com empresas que buscam candidatos com perfil universitário.

Faça trabalhos voluntários

A prática do voluntariado traz vários benefícios para o estudante, incluindo experiência profissional, crescimento pessoal e consciência social. Por meio de trabalhos voluntários, você conhece diferentes realidades, coloca em prática alguns conhecimentos de sua futura profissão e ainda ajuda outras pessoas.

Para se engajar em projetos de voluntariado, busque informações sobre o que acontece em sua cidade. Descubra quais instituições precisam do tipo de apoio que você pode oferecer e assuma esse nobre compromisso.

Elabore projetos de pesquisa

Os projetos de pesquisa também são uma forma de aprofundar o aprendizado acadêmico e favorecer a construção da experiência profissional. Na verdade, todos os trabalhos feitos na faculdade aumentam sua bagagem de conhecimento, mas as pesquisas exigem um pouco mais de empenho na elaboração.

Para esse tipo de estudo, você precisa ler muitos materiais para ter bons referenciais teóricos, como livros, artigos científicos, pesquisas desenvolvidas por outros estudiosos da área etc. Além disso, também é necessário aprender sobre as normas técnicas dos projetos e, principalmente, desenvolver a habilidade da escrita acadêmica.

Mas não pense que esse aprendizado só é válido para ganhar nota e concluir o semestre. Pode acreditar que o contato mais apurado com as teorias e técnicas da profissão aprimora a sua atuação prática. Como resultado, você se sente mais preparado para colocar a mão na massa e conseguir experiência profissional.

Participe de programas de monitoria e iniciação científica

Os programas de monitoria são excelentes oportunidades para reforçar o aprendizado que você teve nos anos anteriores e, de quebra, ampliar o networking. Isso porque aumenta o contato com os docentes e com estudantes de outros períodos.

A iniciação científica é outra boa escolha para o universitário que quer aprimorar seu conhecimento e desenvolver as habilidades específicas de um pesquisador. Especialmente se você pretende seguir carreira no campo de pesquisa e docência acadêmica, vale muito a pena conseguir experiência profissional desde o começo da faculdade.

Invista no networking acadêmico

Além dos programas de monitoria, como mencionamos, há outras atividades complementares e oportunidades variadas que ajudam no networking acadêmico. Para conhecer pessoas que podem se tornar contatos profissionais no futuro, você pode frequentar palestras e eventos relacionados à sua área de formação, dentro e fora da universidade.

Ao participar dessas ocasiões, você sai da esfera de sala de aula e amplia tanto os relacionamentos quanto as possibilidades de conseguir um trabalho na área. Sem falar no complemento do aprendizado, já que você pode acompanhar palestras com temas atualizados e relatos de prática profissional.

desconto pós graduação

Busque trabalhos como freelancer

Para não comprometer sua rotina de modo integral, ganhar um dinheirinho e ainda conseguir experiência profissional, você também tem a opção de pegar alguns jobs como freelancer. Há várias alternativas de trabalhos eventuais na internet, como redação e revisão de textos para blogs, gerenciamento de redes sociais, web design etc. Você ainda pode apostar no seu lado empreendedor e trabalhar com algum tipo de venda.

Enfim, independentemente do caminho percorrido, é possível encontrar formas de aplicar seus conhecimentos práticos sem um vínculo empregatício. Mesmo que nem todas as dicas listadas coloquem você em contato direto com sua futura profissão, o fato é que todas essas opções ajudam a moldar qualidades exigidas pelo mercado.

Descobriu como conseguir experiência profissional antes mesmo do primeiro emprego registrado? Como você viu, os recursos que a faculdade oferece, inclusive a ampla rede de contatos, são essenciais nesse processo. Por todos esses motivos, pode ter certeza de que a graduação abre muitas portas para a sua carreira de sucesso.

Gostou das nossas dicas? É bom ficar bem informado, não é mesmo? Então, aproveite para assinar nossa newsletter e receba novos conteúdos com dicas de estudos e carreira diretamente em seu e-mail!

Posts relacionados

Deixe uma resposta