Método de organização GTD: como aumentar a produtividade nos estudos?
Método de organização GTD Método de organização GTD

Método de organização GTD: como aumentar a produtividade nos estudos?

7 minutos para ler

Se você já teve aquela sensação de que as 24 horas do dia é pouco tempo para dar conta de tudo, saiba que não está sozinho nessa. Com o excesso de tarefas e informações que temos nos dias de hoje, fica mesmo difícil filtrar as prioridades e conseguir bons resultados, seja no trabalho, seja nos estudos.

É aí que entra o método de organização GTD, como uma ferramenta poderosíssima para gerenciar melhor seu tempo e aumentar sua produtividade. A sigla em inglês “Getting Things Done” sugere que é possível “fazer acontecer” por meio de estratégias inteligentes, otimizando sua rotina sem deixar nada para trás.

Quer entender como funciona? Então continue a leitura e incorpore o GTD no seu dia a dia!

O que é o método GTD?

Esse método deriva de um famoso livro do consultor norte-americano David Allen, que é referência em produtividade e treinamento executivo. Sua obra “Getting Things Done” é de 2001 e foi traduzida no Brasil como “A arte de fazer acontecer”. Nesse livro, o autor reúne conhecimentos e técnicas específicas para utilização do método GDT, com o objetivo de orientar as pessoas a cumprirem seus compromissos dentro do prazo e sem dor de cabeça.

O conteúdo também detalha a metodologia utilizada por Allen para que ele pudesse compreender o que tornava as pessoas mais produtivas em suas respectivas carreiras. Sua obra é de grande utilidade não só pela didática de explicação do método, mas principalmente porque as estratégias podem ser adaptadas a diversos perfis e objetivos, inclusive para quem está começando a faculdade agora e tem pouco tempo para se dedicar aos estudos.

Quais são os benefícios do método GTD nos estudos?

É importante salientar que o método de organização GTD não faz milagres, ou seja, não vai impulsionar sua rotina da noite para o dia. Porém, conforme você se habitua ao método, os resultados começarão a surgir e será fácil notar a melhora na sua capacidade para lidar com os compromissos e se superar a cada dia. Em seguida, listamos as principais vantagens do GTD.

Produtividade

Se você é daqueles que precisa assumir muitas tarefas ao mesmo tempo, como trabalhar e estudar, com certeza vai perceber um aumento de produtividade ao utilizar o método. Como resultado, terá mais tempo livre para se dedicar àquelas atividades que estavam há meses na lista de espera, como frequentar a academia, se matricular no pilates, visitar os velhos amigos, e por aí vai.

Organização

O método GTD anda lado a lado com a organização. Até porque ser organizado é essencial para conseguir tirar proveito das estratégias. Mas não se desespere! Se você acha que está tudo uma bagunça, saiba que a organização virá aos poucos, conforme você vai se habituando ao método. O foco é saber priorizar as tarefas e não deixar que elas se acumulem. O lema é: piorar a bagunça, jamais!

Eficiência

Sem dúvida, a procrastinação é a maior inimiga do GTD. Portanto, é preciso ter disciplina para evitar que as distrações roubem seu foco, como o uso do celular em horários inadequados. Quanto mais focado você estiver, mais eficiente você será diante do volume de tarefas. Com o uso constante do método, eficiência será o seu sobrenome!

Powered by Rock Convert

Como utilizar o método GTD nos estudos?

Vamos agora aos passos básicos para incorporar o método de organização GTD no seu dia a dia.

Capturar

O primeiro passo é reunir todos os seus projetos, inspirações e ideias de tarefas a fazer. Registre esse planejamento em um lugar seguro e de fácil acesso, como um bloco de notas, agenda ou até mesmo o planner do celular. O simples fato de colocar as atividades no papel vai aliviar sua mente, pois você já não precisará contar com a memória para se lembrar de tudo.

Processar

O segundo passo é processar os itens registrados na primeira etapa. Vá com calma e reflita sobre cada tarefa com a mesma atenção. Assim, fica mais fácil se decidir quais são as prioridades e quais as melhores formas de executar aquela atividade. Prefira fazer isso em um ambiente calmo e silencioso, evitando se desconcentrar.

Separe os afazeres em dois grupos: coisas que não demandam ação e coisas que demandam ação. O primeiro grupo abrange aqueles itens anotados somente pelo calor do momento, isto é, os quais você poderá descartar agora. Também fazem parte desse grupo aquelas tarefas que ainda não têm urgência nem tampouco prazo definido, como o trabalho de conclusão que deverá ser entregue no final do seu curso.

O segundo grupo engloba afazeres importantes e fundamentais para você atingir seus objetivos, como estudar para a semana de provas ou fazer a sua parte daquele trabalho em grupo. Portanto, concentre-se neles. A partir daí, agende a realização da atividade ou, se for um projeto mais complexo, divida-o em etapas e vá agendando cada passo conforme suas prioridades.

Organizar

Essa etapa é essencial caso você esteja utilizando o método GTD tanto nos estudos quanto em outras tarefas, como no trabalho e em projetos pessoais. Seu esforço anterior de categorização terá ido por água abaixo se você não organizar seus afazeres por núcleos. Isso porque não dá para misturar compromissos profissionais e pessoais, certo? Ter uma lista para cada setor permite enxergar melhor quanto tempo será necessário em cada atividade.

Revisar

Nessa etapa a intenção é fazer uma revisão geral de tudo que você planejou, retomando a análise das atividades para determinar se todas são relevantes de fato. Além disso, pode ser que você mude de ideia em relação ao tipo de plano de ação para executar aquele item, como um trabalho que você faria em grupo e resolveu fazer de maneira individual.

Executar

Finalmente, chegamos à hora de arregaçar as mangas e colocar a mão na massa. Engajamento é a palavra-chave nesse momento, o que significa que você deve executar cada tarefa planejada com pensamento positivo. Afinal, você está fazendo o que deveria. Essa sensação de dever cumprido trará o bem-estar necessário para continuar firme e não perder a concentração nos estudos.

Sem falar que, com seu planejamento em mãos, basta olhar o que deve ser feito e dar o start na tarefa. Assim, você não perde tempo com intervalos gigantes pensando em qual será a próxima atividade. Sua lista será o seu guia para indicar quais conteúdos devem ser estudados naquele momento.

No final do dia e com tudo pronto, você terá aquele tempo valioso para fazer o que bem entender! É ou não é uma boa ideia? Contar com o método de organização GTD é uma forma inteligente de lidar com seus compromissos e atingir suas metas com qualidade e eficiência. Se você conhece outras estratégias que agilizam a rotina de estudos, aproveite e conte para a gente nos comentários! 

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe uma resposta